Notícia

Acampamento Estadual de Embaixadores do Rei reúne mais de 300 meninos em MG

 

 

 

Dos dias 13 a 16 de janeiro deste ano, cerca de 330 meninos, com idades que variam entre 09 e 17 anos, participaram do Acampamento Estadual dos Embaixadores do Rei, que aconteceu no Acampamento Jeová Jiré, localizado na cidade de Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte. O trabalho, que existe há 70 anos, já foi e continua sendo um divisor de águas na vida de centenas de garotos, que durante este período têm a oportunidade de conhecer o único e suficiente Salvador, Jesus, assumindo com Ele um compromisso de fé, tendo suas vidas transformadas.

 

Todos os anos, o mês de janeiro é marcado pelo Acampamento Estadual dos Embaixadores do Rei, relevante evento que reúne público das Igrejas Batistas dos quatro cantos do estado. Este ano, 40 Igrejas, de 11 Associações do estado estiveram presentes. “São meninos que poderiam estar perdidos pelo mundo, mas escolhem consagrar suas vidas ao Senhor. Vai chegar a época, eu acredito, que teremos que fazer várias edições do nosso acampamento, pois apenas uma não será suficiente para atender os adolescentes Batistas”, comentou o pastor Edemilson. “Sem dúvida alguma, o lema dos Embaixadores é cada vez mais real nos tempos atuais. Construir meninos para não remendar homens. Esses meninos são a esperança do nosso país”, comentou o pastor Marcio Santos, diretor Executivo da Convenção Batista Mineira.

 

Este ano, o tema do Acampamento foi escolhido com base no texto de Mateus 10.7, que diz: “E, indo, pregai, dizendo: É chegado o reino dos céus”. A ênfase das mensagens e também de toda a programação foi voltada para mostrar aos participantes a importância da pregação do evangelho, que mudou a vida do pastor Celso Godoy, um dos preletores convidados. “Depois de 28 anos longe de Deus, em uma vida sem norte, sem direção, focada nas drogas, no crime, na macumba, nas prisões, alguém, cumprindo o Ide de Jesus, passou por mim e mudou minha história. Hoje vivo para a glória de Deus, há 30 anos servindo a Cristo a cada dia”, comentou.

 

Um dos aspectos trabalhados pelos Embaixadores Mineiros, e que tem rendido bons frutos na vida dos jovens é a disciplina, o respeito aos mais velhos e a obediência. “Fiquei muito impactado. A obediência dos meninos é algo que não tinha visto até então”, comentou o missionário da Junta de Missões Mundiais, um dos preletores do evento.

 

Além dos Conselheiros, todos que participam como líderes e no apoio são voluntários, trabalhando por amor a obra, dedicando seu tempo e recursos para cumprir o Ide de Jesus. “A equipe de Conselheiros liderada pelo pastor Edemilson impressiona pelo comprometimento. Observei grande preocupação na formação moral e ética dos meninos, e a determinação de ensiná-los a Bíblia Sagrada. A tarefa de qualquer preletor num acampamento fica facilitada, pois os ouvintes estão identificados com a Escritura”, avaliou o pastor Walter Ferreira, da Igreja Batista do Rio da Prata em Bangu - RJ, um dos preletores.

 

Por: Ilimani Rodrigues, jornalista da Convenção Batista Mineira


 
 

Fotos